segunda-feira, 26 de maio de 2008

Muffins Redentores OU Viva Nigella!

E daí que eles saíram meio tortinhos pra um lado? E daí que alguns cresceram demais e não couberam nos saquinhos fofinhos que eu comprei para levá-los de presente às colegas de trabalho? E daí que eu não tinha gotas de chocolate e o chocolate meio amargo que usei derreteu e ninguém notou que o muffin era de chocolate chips? E daí? Não pude conter meu orgulho maternal ao apresentá-los a todos: meu bebês - os meu primeiros muffins! Ok, exageros à parte, desde que proveu os muffins feitos por uma colega num curso semestre passado, não parei de imaginar como seria fazer os meus próprios muffins. Eu não sou (muito) louca, não. Já fiz muitos bolos, tortas, salgados, mas para mim os muffins eram um mistério. Uns bolinhos fofinhos, que podem levar dentro uma diversidade incrível de ingredientes gostosos em combinações inusitadas, e ainda vêm num papelzinho que parece uma sainha pregueada. Como resistir? E o pior - quando vi as receitas, me pareceu algo tão ridiculamente simples! Vamos a eles! Mas os muffins são temperamentais, e me colocaram no meu lugar. Já contei o que aconteceu na minha primeira experiência. Desta vez fui mais humilde, e abordei a experiência como uma tentativa, sem grandes expectativas. Fui salva pela Nigella e suas Comfort Foods. Era exatamente disso que eu precisava, nesta fase difícil pela qual estou passando - comfort food. E, como a Nigella fala no vídeo, estes muffins são ótimos porque, além de serem comfort food são também comfort cooking. Ela está certa. Caiu como uma luva. E agora, como toda mãe coruja, vou mostrar mais uma foto de um dos meus fofinhos, agora vestido para festa:
Nem me atrevo a postar a receita, que está no vídeo, pois ela é tão fácil que vou receber xingamentos. Mas se alguém precisar da tradução, envio por e-mail com o maior prazer!


6 comentários:

Naninha disse...

Uhuu! Parabéns! ;-)

Tata disse...

Obrigada, naninha, mas não chega aos pés do seu!!!

Naninha disse...

A simplicidade da receita é que é o segredo. Até hj, eu praticamente fiz todos os bolos que estão no blog da mesma forma, eu chamo de secos e molhados. É muito mais fácil.

Tata disse...

Nossa, sou uma anta mesmo... como assim, "secos e molhados"? Me explica?

Naninha disse...

Primeiro mistura tudo que for líquido (inclusive manteiga derretida) em uma vasilha. Em outra, mistura a farinha, o chocolate, o fermente, o chocolate em pó (se for o caso). Depois mitura os dois juntos.

Tata disse...

aaaahhhhhhhh!! Elementar, meu caro Watson!